Todo dia, por David Levithan ♡ :

00:42:00

BOM DIA, TARDE, NOITE  

♥♥




      Bem gente, a alguns meses eu li - finalmente- o livro mais queridinho desse ano, todo dia. Bem eu não sabia como começar essa resenha, porque o efeito que esse livro teve sobre mim é o mesmo que uma faca sendo apunhalada no seu peito, me senti rasgado por dentro como uma roupa velha, e hoje eu vim aqui para falar mais um pouco sobre isso - e para ver se saio da ressaca que esse livro me proporcionou - e dividir minha opinião sobre esse livro.

     Primeiramente, o que me assustou um pouco nesse livro foi o seguimento que o autor usou, eu pensei que não iria entender nada nele porque o que brilhantemente o autor introduziu a esse livro foi o que eu chamo de personagem ilegível, por que? porque simplesmente ele é um personagem sem gênero - masculino ou feminino - sem uma identidade aparente, e sem um corpo dele. Na realidade A acorda todos os dias em um corpo diferente, e isso fez com que o livro fosse tão complexo.


A esperança nos trouxe até aqui. Não as respostas.

      O livro em si é contado em dias, cada dia A se vê em um corpo diferente, e então exatamente no dia 5.994 ele acorda no corpo de Justin, e infelizmente para A ele está sentindo que não será um dia nada legal, porém mal sabia ele (a) que seria o dia mais legal da  vida - ou seria DAS ? - dele (a) uma vez que ele  iria conhecer Rihannon e uma paixão iria nascer. 💕

A devoção gratuita. Preferir o medo de estar com a pessoa errada por não ser capaz de lidar com o medo de ficar sozinho. A esperança tingida de dúvida, e a dúvida tingida de esperança.

     O fato do personagem principal acordar todos os dias em um corpo que não é dele faz a leitura ser mais viciante, você quer saber como vai ser o próximo personagem e saber qual sua aparência, se ele é homem ou mulher, são coisas que faz aflorar a nossa curiosidade. Alem do mais o amor inovador que David inseriu a esse livro é engraçado, e faz você sorrir e ver que vale apena correr atrás de suas vontades e paixões.
Todo dia sou uma pessoa diferente. Eu sou eu, sei que sou eu, mas também sou outra pessoa. Sempre foi assim.

     Minha opinião sobre o livro ficou muito explicita, eu amei com todas as forças que eu tenho, claro que cada personagem tem seu próprio mérito na vida de um leitor, mais A foi e sempre será especial para mim e sempre estará na minha memória,  um livro bem arquitetado, bem feito e bem escrito, talentos que David Levithan tão bem domina, eu só tenho que dizer uma coisa, parabéns você arrasou. E claro não poderia esquecer, não deixem de ler o 2° livro dessa história "outro dia", não é uma continuação é a mesma história  só que desta vez na visão da nossa querida Rihannon. você poderá ver a 'todo dia' e 'outro dia' mais completamente no saite da editora Galera record,  clicando AQUI.❤

Leia estas:

17 comentários

  1. Após ler sua resenha fiquei com mais vontade de ler esse livro!
    Parabéns pelo trabalho <3

    Uma Mente Inquieta

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Eu quero muito ler esse livro, pois acho a premissa incrível. Além disso, todos elogiam a escrita do David Levithan.
    Pretendo iniciar a leitura nesse ano que vem.

    Abraço!
    http://tudoonlinevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Não sou muito fã do autor, até entendo que o nicho que ele encontro é muito importante, mas acho que passei da idade para ler dramas adolescentes ser extremamente crítica.
    Esse me dá uma certa cuiosidade por causa desse personagem A, queria entender porque ele fica trocando de corpo.

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra não despertou meu interesse, não sou muito chegada em ler esse tipo de livro e nem no autor, mas parabéns pela sua resenha que ficou incrível!
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Já faz um tempo que li esse livro, mas curti bastante o livro. Foi uma leitura muito envolvente da qual eu não conseguia largar, a escrita, o enredo, os personagens tudo me prendeu a esse livro. E foi uma leitura maravilhosa mesmo! Estou um pouco curiosa sobre Outro Dia, mas ainda existe um certo receio de minha parte.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Nossa, sempre escuto maravilhas sobre esse livro é sua resenha só reafirmou tudo que já ouvi. Parabéns pela resenha ela está incrível e me deicou bastante curiosa sobre o livro. Irei colocar na minha pequena enorme lista.
    .Beijão.

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Nossa, esse livro deve ser muito bom mesmo, pois todos acabam amando tanto ele. Que bom que gostou tanto assim. Tenho muita vontade de ler. Ainda não tinha parado para prestar atenção que a continuação na verdade era só com outro ponto de vista.
    Adorei a dica. Espero não demorar para ler.

    ResponderExcluir
  8. Olá, é a primeira vez que vejo o termo, personagem ilegível. Achei interessante o fato dele acordar todos os dias num corpo diferente! Se tiver oportunidade eu lerei esse livro.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Oie, em se tratando de David Levithan, eu sou um caso totalmente perdido. "Todo dia" foi o primeiro livro dele solo que li (antes foi "Will & Will") e mesmo não sendo nada parecido com o estilo que costumo ler, eu me apaixonei. Achei que ele foi de uma incrível sensibilidade na escrita e isso me ajudou a embarcar na história. Uma das minhas metas pra 2017 é ler "Outro Dia" 💙 Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Uauuu, acordar todo dia num corpo diferente, que mega interessante! Fiquei bem curiosa e o autor é super querido por muito gente! Gostei da indicação!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  11. Oi, Thur

    Eu acho esse livro bem viajante na maionese, sabe? hahahaha Não no mau sentido, é que esse negócio de A não ter gênero e de acordar em corpos diferentes dá curto circuito nos meus miolos! hahaha

    Beijo
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Vejo sempre todo mundo falar muito bem do Levithan mas ainda não tive oportunidade de ler nada dele. E quero justamente começar por esse, Todo Dia. Sua opinião só concretizou aquilo que eu já imaginava e já estava esperando <3 Estou ansiosa agora haha Adorei!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Então no segundo livro veremos a mesma história só que com a outra visão? Isso é bem interessante de saber. Que amor você tem por esse livro, não? Gostei de ver tudo que o enredo te proporcionou, e me encantei por esses personagens. David realmente soube construir um enredo que se desenrola muito bem, e temos um momento de viagem enquanto lemos.

    ResponderExcluir
  14. Ai to louca para ler essa duologia já faz um tempinho. Gosto de livros onde os autores se arriscam a falar de determinados assunto de uma forma diferente! Saber que a cada dia o personagem acorda em um corpo diferente me deixa ansiosa para saber como ele procede para reencontrar a Rihannon! \o/

    ResponderExcluir
  15. Oii, confesso que fiquei um pouco confusa com a história. Ainda não li nada do autor e estou bem curiosa para ler essa história.

    beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Tenho muita curiosidade por esse livro porque a temática é bem diferente, achei bem original e fiquei curiosa para saber o que vai acontecer com os personagens, se eles darão um jeito de ficarem juntos no final. Adorei a sua dica!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Olá, Arthur!
    Confesso que esse livro me dá preguiça haha Mas a estória parece ser interessante! Ótima resenha!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.com.br

    ResponderExcluir